Slide 2
Slide 1
Cursos Profissionais

Cursos profissionais

Os cursos profissionais são uma modalidade de educação de nível secundário, que se caracteriza por uma forte ligação com o mundo profissional, recorrendo à formação em contexto de trabalho (real ou simulado na escola), aliando a teoria à vertente técnico-prática. Tendo em conta o perfil pessoal dos alunos, a aprendizagem realizada nestes cursos valoriza o desenvolvimento de competências para o exercício de uma profissão, em articulação com o setor empresarial local.

Principais objetivos:
. contribuir para que o aluno desenvolva competências pessoais e profissionais para o exercício de uma profissão;
. privilegiar as ofertas formativas que correspondem às necessidades de trabalho locais e regionais;
. preparar o aluno para aceder a formações pós-secundárias ou ao ensino superior, se for essa a sua vontade.

Destinatários:
Os cursos profissionais destinam-se aos alunos que querem fazer uma formação profissional específica ou que prefiram um estilo de aprendizagem mais prático. Podem ser o percurso mais indicado para o aluno que:
. concluiu o 9.º ano de escolaridade (mesmo não tendo realizado os exames nacionais de 9.º ano - Língua Portuguesa e Matemática) ou formação equivalente;
. procura um ensino mais prático e voltado para o mundo do trabalho;
. não exclui a hipótese de, mais tarde, prosseguir estudos.

Certificação:
Conferem um diploma académico (de equivalência ao 12º ano do Ensino Secundário), preparando o acesso a formações pós-secundárias (Cursos de Especialização Tecnológica - CET's) ou ao Ensino Superior (desde que o aluno realize os exames necessários). Na candidatura ao Ensino Superior existe também, nalguns cursos, uma percentagem de vagas para alunos do ensino profissional. E por ser de dupla certificação, os cursos profissionais dão, igualmente, uma certificação de qualificação profissional de técnico intermédio (nível 4), que permite e facilita a entrada no mercado de trabalho, para aqueles que o desejarem, logo após a conclusão do curso.

Organização:
Os cursos profissionais têm a duração de 3 anos e organizam-se de acordo com referenciais de formação, distribuídos por diversas áreas. Trata-se de um ensino modular: a formação está organizada em módulos (ou seja, o programa está dividido em unidades de aprendizagem), o que possibilita uma maior flexibilidade e respeito pelo ritmo individual de aprendizagem do aluno e permite a adaptação às circunstâncias e dinâmicas internas da escola.
O plano de estudos de cada curso integra 3 componentes de formação que possuem diferentes cargas horárias:
. Sociocultural;
. Científica;
. Técnica

Avaliação:
A avaliação destes cursos faz-se segundo duas modalidades e uma prova:
. Formativa: avaliação contínua em que intervêm o professor e o aluno;
. Sumativa: avaliação no final de cada módulo;
. PAP (Prova de Aptidão Profissional): é o culminar do curso e consiste na elaboração e apresentação de um projeto pessoal integrador das diferentes competências, saberes e capacidades que desenvolveram ao longo da formação.

Mais informação na ANQEP